//Google Analitcs

Eu acesso! Junte-se à nós!

Pesquisar este blog

Siga-nos por E-Mail!

quinta-feira, 4 de abril de 2013

Tecendo as Redinhas do Crochê Irlandês


Esta é a 2ª execução do nosso Projeto Crochê Irlandês.
Eu encerrei a versão em preto e agora trabalho na mesma peça em branco.
Abaixo mostro em foco a mesma imagem acima dividida em 3 partes.


Direita


Central


Esquerda

Abaixo você observa o caminho que percorri, até o momento tecendo as redinhas. Em alguns pontos você observará que há uma distorção na redinha. Isso se dá pois eu não estou prendendo as redinhas e as esticando totalmente, eu estou trabalhando com as redinhas soltas e flexíveis.
Contudo; como aconteceu na mesma peça em sua versão em preto; ao vestir, as redinhas se esticam (no ponto certo) e se obtém o resultado que tanto é esperado.

Confira do que falo, clicando aqui.


O meu intuito ao trazer esta imagem para vocês é que possam perceber que não há regra ao tecer redes, o que há é raciocínio (e cada uma de vocês desenvolveram este raciocínio executando, treinando, errando, desfazendo e refazendo). É como dizem "NO PAIN NO GAIN".
Abaixo eu destaquei um conjunto de setinhas que direcionam o caminho que eu percorri e que enquanto eu estava editando a imagem, eu esqueci (me desculpe por isso...). Como eu já estava no final da edição e muitas setas e numerações já haviam sido convertidas (itens de formatação do Photoshop que me dariam MUITO trabalho e requereriam MUITO tempo para corrigir), decidi realizar esta correção (grosseira podemos até dizer) para buscar a real indicação do que eu fiz até o momento.

Este conjunto de Setas está entre os pontos 5 e 6 direcionadas na imagem. Do ponto 5 eu as sigo antes de chegar ao ponto 6, aonde todos os passos voltam à normalidade.
Mais uma vez, me desculpem por isso...

O mais importante desta demonstração é dizer à vocês que até aqui; EM UM ÚNICO momento há a necessidade do corte do fio. Que é exatamente aonde vocês observam um conjunto de 4 setinhas todas juntas. É o final. É aonde estou neste momento.
Neste ponto eu poderei, percorrer o caminho contrário passando novamente pelos pontos já feitos (com pontos baixíssimos, por exemplo), ou, cortar o fio, realizar este arremate e reiniciar em outro ponto.

Espero mais uma vez, contribuir para o desenvolvimento de seu Crochê Irlandês.
Obrigada por terem estado aqui lendo estas explicações e aguardo vocês em nossas próximas execuções.

Deixo os vídeos desta etapa da execução para vocês.

Vídeo 01/02


Vídeo 02/02


Se inscreva em nosso canal no Youtube e fique por dentro de nossos projetos!

Se quiser ver todos os vídeos deste Projeto; deixo o Player com todos os vídeos abaixo.


Bjimmm,
Ivy